sexta-feira, 3 de julho de 2009

Boa Viagem!!!


Quando você estiver a poucos quilômetros, lembra de mim... E quando seus pés o estiverem levando rumo ao distante mundo - longe de mim - sinta meu perfume guardado em seus pensamentos...
Quando se sentar, guardado em espaço restrito de tempo, de lugar, sinta minhas mãos sobre as suas, atadas às suas, seguras de que podem levá-lo a qualquer tempo, a qualquer lugar...

No momento em que seus pés já não estiverem no chão, sinta a liberdade de meu amor... Porque lhe deixa livre sempre!!! Sempre deixará... Ainda que seja uma liberdade que lhe aprisiona.

E, quando distante, mui distante de mim, sinta seu coração... Eu estarei toda ali... Toda.
Para todos os dias, todos os minutos, entranhada em todos os seus sentidos. Na superfície de sua pele, na sua retina, nos seus lábios, nas suas narinas, dizendo: "Eu amo você", ao seu ouvido... Bem baixinho...
Quando seus pés caminharem por lugares estranhos - ou nem tanto assim -, sinta algo familiar e veja: Estarei lá consigo... Em todo o tempo...

Nas músicas que ouvir, ainda que jamais escutadas, você escutará minha voz, só porque sabe que eu amo todos os ritmos, e todas as melodias do mundo, porque eu, eu sou música pura!!! Misturada a palavras e a danças infinitas...
Cada roupa que experimentar, você verá meus olhos olharem nos seus. Aprovando ou reprovando, simplesmente porque você sabe que eu sei de cada traço do seu corpo, e sei o que lhe cai bem, o que lhe é confortável, o que lhe é macio ou áspero... Pois conheço sua pele e cada centímetro de você. Cada milímetro, cada poro.

Para cada perfume que sentir, saberá que seria meu "faro fino" que saberia distinguir cada nota, e lhe diria o que ficaria melhor em você, porque eu - e ninguém mais - conheço o seu cheiro, com todas as suas mínimas nuances... O seu perfume... Só seu - e tão meu!!!

No quarto em que entrar eu estarei lá, ao seu lado... De pé, velando por seu sono ruidoso, quieto, profundo e firme... E lhe confortarei durante as insones noites, contando minhas histórias - as que vivi, e as que sonho: Todas com você.

E nas flores que enxergar você verá todas aquelas com as quais eu enfeitei o lar que preparei para nós, para trazer ao espaço que ocupava toda a alegria que sentia no meu coração, apenas porque você existia para mim e por mim.

À beira do mar, você se lembrará que é dele o som que eu acho, em toda a Terra, mais magnífico, e se lembrará que um dia eu lhe disse que mais fantástico que o barulho das ondas, seria apenas o som do primeiro choro de nosso bebê...

Quando retornar e, novamente, seus pés desgrudarem do chão, seu coração ficará acelerado - como o meu - só por saber que voltará para um lugar onde está alguém que lhe ama... Mesmo longe ama.

E, quando seus pés tornarem a tocar a terra pátrea, seja onde for, você se lembrará que seus olhos verão os meus... E terá a certeza absoluta de que em qualquer lugar do mundo em que você esteja, estarei mais perto de você do que imagina...


Pode voar... Sei que sempre voltará para mim. Nem que seja apenas para meu coração...

Amo!!! Como é. Sem tirar, nem por...

2 comentários:

Anônimo disse...

Gabrielle,
Tu amas de uma forma muito linda... Sempre sonhei em ter um amor assim... Quem te perdeu dificilmente viverá uma sintimentalidade tão intensa quanto a tua, e dificilmente irá se reencontrar quando se der conta disso.

Gabrielle Avelar disse...

Comentando o comentário acima...
Caríssimo(a), Eu simplesmente amo!!!
E amaria simplesmente poder amar com liberdade... Ah! A Liberdade!!! Nada mais precioso para desfrutar uma amor, não é mesmo?
Embora eu não saiba seu nome, caro amigo(a), eu agradeço de coração por sua admiração... Que seu sonho se realize, e que você encontre um amor realmente verdadeiro... Beijos!!!