terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Licença Poética


Uma pausa para uma licença poética... E linda, linda, linda... Cheirosa como uma flor, macia como uma pétala de rosa e de amor desmedido...
Volto logo, quando ela se der conta de que já saiu de dentro de mim!!!
Beijos!!!